Windows Azure: SaaS e a Cauda Longa

Cloud Computing & Microsoft Azure

Antes de prosseguir recomendo a leitura dos seguintes posts:

Como já vimos anteriormente SaaS ou Software como Serviço é um modelo de uso onde consumimos softwares através de aplicações web disponíveis online para os usuários. Simples, barato e flexível, este modelo já virou realidade dentro de muitas empresas.

Utilizando-se da internet como meio de consumo o modelo SaaS objetiva disponibilizar os mesmos recursos de software para um número ilimitado de clientes.

Pensando neste contexto é possível observar como os conceitos de “Cauda Longa” e “Multi-Inquilino”se completa dentro do modelo SaaS.

Cauda Longa

Basicamente neste conceito temos uma procura elevada para um conjunto pequeno de produtos [ofertas] e procura reduzida para um conjunto elevado de produtos.

CaudaLonga

Na economia tradicional, os custos fixos de manutenção de estoques, permitem calcular um valor para a procura que define a fronteira entre lucro e prejuízo.

Apostar na Cauda Longa torna-se economicamente interessante pois conforme diminuímos o custo de adoção, um número maior de clientes pode adotar nossa solução. A lógica é a seguinte:

  • A capacidade de adoção tende ao infinito (a curva nunca toca o eixo “X”);</font> </div>
  • Para explorar a Cauda Longa precisamos então pensar em soluções e infra-estruturas de baixo custo e alto aproveitamento de recursos;
  • Estas soluções devem alcançar o maior número possível de clientes;</font></div>

Com isto iremos atingir um público não suportado hoje em dia, devido ao alto custo necessário para se trabalhar com determinadas ferramentas. Fica fácil abstrair isto se imaginarmos o cenário de uma pequena empresa. Se você decidir abrir uma pequena empresa de desenvolvimento de software com 5 funcionários, seus gastos serão muito menores consumindo os serviços em nuvem. É uma questão de matemática: Basta comparar o valor de uma licença para montar um único servidor e voilá, você paga por todos os serviços necessários na nuvem com um sorriso estampado na face (dramático não?)… isto sem falar em todos os recursos que as ofertas em nuvem disponibilizam.

A TI não precisa mais ter a posse do software. Novas modalidades de cobrança nos permitem mais flexibilidade e menos custos.

Este é realmente um conceito muito apelativo, o modelo de “micro-pagamento” que explora na cauda longa, um número muito grande de usuários que podem adotar nossa solução pagando pelo uso, por demanda, o que gera um valor muito baixo de pagamento. Nesse cenário, estamos realmente buscando o chamado “milhões de mercados de poucos” ao invés dos atuais “poucos mercados de milhões”, sendo o cerne do modelo baseada na Cauda Longa.

Multi-Inquilino

Utilizando o conceito da cauda longa mostrado a cima, o termo multi-inquilino ilustra bem a evolução natural que converge para a Cloud Computing, pois refere-se ao uso do mesmo software por vários clientes e empresas de forma simultânea.

A partir dos conceitos do SaaS, fica claro o impacto na construção de uma arquitetura baseada nesse modelo. Existem diversas necessidades de tecnologia e infra-estrutura que precisam ser atendidas para que essa visão seja suportada. Cito o artigo An Overview of Software as a Service in Retail da MSDN.

MultiInquilino

LegendaMultiInquilino

A ilustração acima representa os quatro quadrantes que representam o conceito de Multi-Inquilino.

Primeiro quadrante: Aqui cada solução é direcionada para um determinado inquilino. Isso garante completo atendimento das demandas do inquilino (cliente), mas gera um custo elevado devido a grande customização e disponibilidade de recursos individuais.

Segundo quadrante: É possível observar uma única solução direcionada para todos os inquilinos separadamente. Não há nenhuma customização presente a nenhum dos inquilinos garantindo menor custo de manutenção já que a mesma solução atende a diversos clientes.

Terceiro quadrante: Temos uma única solução para todos os inquilinos e, diferente do quadrante dois, esse solução é única e disponível para todos. Assim, podemos identificar nesse quadrante, uma solução já multi-inquilino (multi-tenant),apresentando total compartilhamento de recursos.

Quarto quadrante: O atendimento é diferenciado para inquilinos que exigem elevada demanda de recursos, havendo uma carga balanceada na infra-estrutura do provedor da solução SaaS (tenant load balancer).

Alguns dos principais benefícios são:

  • Implementação imediata
  • Baixos custos
  • Não é necessário treinar pessoas
  • Acesso móvel
  • Suporte on-line
  • Sistema completo
  • Não requer servidor
  • Backup automatizado
  • ROI (Retorno Sobre o Investimento) mais rápido
  • Blindagem de acesso
  • Soluções personalizadas
  • Não há licenciamento
  • Não há necessidade de manutenção pelo usuário

 

Referências:

  • Frederick Chong and Gianpaolo Carraro – “Architecture Strategies for Catching the Long Tail”
  • Blog MSDN - http://blogs.msdn.com/

 

#### Um grande abraço e ótimo estudo!


Author's profile picture

Vitor is a computer scientist who is passionate about creating software that will positively change the world we live in.

MVP Azure - Cloud Architect - Data science enthusiast


4 minutes to read